COMPUTADOR X MENTE HUMANA

COMPUTADOR X MENTE HUMANA 1

No ano passado publiquei um texto que fala sobre o mesmo assunto, porém com o foco nas similaridades entre a máquina e a mente autista, ”Explicando por que a mente humana funciona como um computador. ” No atual, explicarei as principais diferenças para que possamos chegar a uma só conclusão.

Há uma complexidade nisso tudo e somente especialistas em tecnologia poderá explicar com mais detalhes e precisão como funciona o computador, da mesma forma, neurocientistas, psicanalistas, neurologistas, psicólogos e psiquiatras, são capazes de explicar como funciona o nosso cérebro.

Um pouco do que sei dá para o público ter uma noção, isso não substitui uma consulta ao especialista, porém toda opinião gera uma noção. Detalhe, tudo isso é uma complexidade.

A principal diferença entre o cérebro humano, especificamente falando de cérebro autista, e o computador, é que o computador depende do software para funcionar. O que é o software? É tudo aquilo que você baixa no computador, desde a atualização do sistema operacional ou o sistema em si, até os programas, um antivírus é um exemplo de software.

A mente humana faz um papel de software mesmo não sendo o tal. A inteligência de um ser humano faria o papel de um software mesmo não sendo o tal? Faria, mesmo com suas diferenças entre si e a máquina.

Inteligência não é algo físico assim como o antivírus. Não vemos a inteligência, porém ela se manifesta na vida de um homem, ao contrário do antivírus que é visível dentro de um computador. Quanta diferença, heim?

O software em si é visível e é facilmente acessível nos arquivos do seu computador. Com a mente humana, em geral, funciona de uma maneira tão diferente que é impossível descrever profundamente, porém, posso dizer que a minha mente funciona de uma forma híbrida, ou seja, não posso ver o meu dom, porém posso usá-lo, pois sei que está guardado em algum arquivo da minha memória.

Será que a hipermnésia seria um ”software” mais complexo da mente humana? Ou seria um fenômeno, como dizem por aí? Viva a complexidade!

Outra coisa mais complexa ainda: Todo computador necessita de um antivírus para não infectar o computador, com programas invasivos, a mente em si é protegida com as vacinas e o oxigênio, porém há quem toma remédio para controlar convulsões, ou coisas do tipo. Há muitos casos para serem contemplados heim?

Enfim, de novo a complexidade, cada caso é um caso. Há uma coisa que podemos fazer juntos, me refiro a minha relação, entre a mente e o computador. O que é? Não é a toa que estou escrevendo o que estou projetando na minha mente e manuseando as teclas do computador.

Isso o computador não faz sozinho, a máquina precisa de nós, para enriquecer o conhecimento do público, viva a complexidade de novo!

Resumindo, leitores psicanalistas e psiquiatras, vocês que são especialistas no assunto, sabem muito bem quão complexo e profundo é descrever sobre o funcionamento da mente humana em relação ao computador. Embora algumas similaridades devessem ser notáveis. Pronto, já escrevi sobre os programas, que somente o computador necessita antivírus… Agora está faltando é internet! Você tem internet em casa? Qual a velocidade? Meu amigo, outra questão complexa! Complexa até ao extremo…

Internet dá pra comparar como uma escola virtual, quem acaba aprendendo somos nós. O computador é apenas um meio de comunicação, porém as informações nos ajudam a aprofundar os nossos conhecimentos, nos ajudam a aumentar mais ”programas” em nossos ”arquivos.”

COMPUTADOR X MENTE HUMANA 3

Que todos possam desfrutar dessa complexidade! Entre a mente humana e o processador do seu computador há algo em comum, apenas complexidade.

 

    Leonardo Ricardo

10602760_800769779973644_294558687_n